Cronicando a vida

Bar de beBIBA

Por Fabiano Fachini

Crônica?
Testemunho?
Relato?
Indignação?
Pedido de perdão?
Vergonha?
Não sei, sinceramente não sei.
Incrível.
Final de tarde e eu louco pra comer. As alternativas foram acabando, e só restou o quê??? Bar dos são-paulinos em Campinas. Parece pleonasmo: subir pra cima, descer pra baixo, bar de são-paulino em Campinas… é óbvio. Mas enfim, não fui lá pra comer, fui fazer um lanche.
Pois bem, voltando ao assunto: estava indo à aula de inglês e não encontrava um lugar para fazer um lanche. Restou o bar dos tricolores. Sou corintiano, jamais teria entrado nesse lugar se não fosse o excesso de fome. Fome absurda.
Entrei (no bar, apenas no bar, para aqueles que se perderam) e pedi um suco ou vitamina. Só tinha laranja. Acredito que cenouras, bananas e demais tenham sumido. Alguém sabe o porquê?
Bom, não pedi uma cerveja, pois não gosto de coisa fraca. Devia apenas ter sem álcool, se pensarmos no público.
Suco de laranja, um salgado. E pronto. Como rápido. Muito, mas muito rápido. Pago e saio. Pago, como bom corintiano, saio sem dever nada. Mas, posso garantir, aproveitei bem o catchup e maionese extras.
Pressa? É óbvio.
Pensou ser confundido? Fotografado lá?
Jamais. Me garanto, mas não precisa dar margem pro erro.
Porém, fui bem atendido. Talvez, por ter batido no balcão, falado grosso com o garçon, e reparado a única mulher do bar. Talvez, eles tenham percebido que eu não gosto da mesma fruta que eles (ao menos dos que estavam lá) e aí pensado: vai que rola!!!
Vai que rola nada.
Cai fora jacaré.


Obs:

  • Atendendo aos pedidos recebidos por e-mail, quero destacar o que parece não ter ficado claro: por motivo algum essa crônica foi objetivo de discriminação ou preconceito. Foi uma brincadeira que fiz com amigos tricolores. Uma forma de “pegar no pé” da galera que se aproveita da má fama “arquitetada” contra os corintianos. Aos leitores, desculpas. Porém, destaco que a crônica continuará no ar. A discórdia e as discriminações na devem ser incitadas, por isso, acredito que essa brincadeira entre amigos não vá ferir esse valor que busco seguir. Afinal, quem perde a oportunidade de fazer piadinhas com amigos de torcidas diferentes, seja por e-mail, no churrasco, na família, no bar…? Aguardem, novidades vem por aí.
Anúncios

7 pensamentos sobre “Cronicando a vida

  1. muito bom, apesar de vc ter reparado na unica mulher, porém prefiro a moça q outro(a) q ache q eh do sexo feminino tendo nascido no oposto… muito cuidado com esses lugares… e uma dica… da proxima vez (caso haja,e espero q nauh) peça pra viagem…

    Curtir

  2. Devo admitir que estou decepcionada, ao ler o titulo, Para Tricolor, imaginei que se tratava de um texto sobre o Grande e Imortal Tricolor gaucho, GRÊMIO, mas não… era um carinha confessando ser um corintiano, ai meu Deus… e escreve pra todo mundo ler….hehehehe Brincadeirinhas a parte o texto é ótimo como todos os outrosbeijão

    Curtir

  3. Poxa vida Fachini!! Vc sabe que apesar de ser um corinthiano continua sendo meu chapa. Mas daí a me ferir com este texto contra meu time (que aliás ficou acima de um certo time bicolor paulista – rsrs)é a mesma coisa que facer alarde em meio a boiada!!!RSRS – brincadeira, meu amigo, está de parabéns com seu blog. Confesso que há muito tempo não o visitava. Abraços e mande notícias

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s